5 fatos (curiosos) sobre o Rei Louis XIV


Em 2017 foi o aniversário de 300 anos de morte do rei Louis XIV. Para celebrar a ocasião, foram promovidos em Versailles eventos com concertos, festivais e a data foi comemorada de forma criativa e inovadora através do twitter, em que o dia da morte do soberano foi "acompanhada" passo a passo através da rede, contando cada detalhe de seu ocaso pelas hashtags #LeRoiEstMort e #LouisXIV. Também foi criado um site leroiestmort.com para reunir todas as informações e eventos.


Louis XIV é um dos nossos soberanos franceses preferidos e depois de saber um pouco mais sobre ele passamos a ver Versailles com outros olhos! Abaixo estão cinco fatos curiosos sobre o rei que marcou a história da França!


Um reinado interminável

Louis XIV reinou durante 72 anos. Ele foi um dos monarcas e chefes de Estado que reinou e governou durante mais tempo na Europa. Basta lembrar que naquela época viver 72 anos já era algo atípico, imagine reinar durante todo esse período!


O soberano das artes

Com Louis XIV todas as artes receberam destaque. Seu gosto era colocado na pintura, arquitetura, na música e principalmente na dança. O rei se transformou no patrono das artes. Ele organizava em Versailles festas e espetáculos e reunia uma importante coleção de objetos de arte e quadros (dentre eles, a Monalisa, que ornamentava seus aposentos). O palácio do Rei Sol era um verdadeiro modelo para toda a Europa.


Refeições copiosas

O rei era conhecido por ter um apetite voraz. Ele fazia apenas 3 refeições por dia mas que compreendiam seis serviços de seis ou oito pratos diferentes em cada uma. Sua pessoa real jamais dormia sem um prato colocado próximo à sua cama para satisfazer seu apetite noturno.



Um rei de higiene duvidosa

Se o Rei Sol era sempre representado em sua superioridade (bela aparência, altura imponente, olhar determinado, vestimentas brilhantes) ele não era reconhecido por sua higiene. Importante ter em mente que no século XVII o padrão de higiene não era o mesmo de atualmente e inclusive havia uma suntuosa Sala de Banhos em Versailles com uma banheira de mármore de 3 metros de diâmetro, mas quera era usada pelo rei para diversão e não para higiene. E não pense que por causa disso o rei era tido como uma figura repugnante.... suas amantes eram muitas!


Inspiração insólita

Por mais surpreendente que possa parecer, o hino britânico nasceu do ânus de Louis XIV. O rei teve de se submeter a uma cirurgia para tratar uma fístula. Assim, as jovens senhoras de Saint-Cyr recitaram um poema para seu restabelecimento: "Grande Deus, salve o Rei, Grande Deus, proteja o Rei, Viva o Rei". Lully musicou a letra e, alguns anos mais tarde, Haendel se apropriou da canção antes de levá-la à Inglaterra e transformá-la no hino nacional britânico.


#parishistórica